Sporting CP conquista Taça de Portugal pela 8.ª vez

Por FPF

• Portugal | POR

Crédito: FPF

O Sporting conquistou, nesta terça-feira, a Taça de Portugal de Futsal Placard pela oitava vez em 23 edições - a terceira de forma consecutiva -, ao vencer o SC Braga/AAUM, 7-1, na final disputada no Centro de Congressos e Desportos de Matosinhos.


A equipe leonina mostrou, desde cedo, o seu poder. Com grande intensidade em todos os momentos de jogo, a formação liderada por Nuno Dias foi construindo uma vantagem sólida e, apesar da boa reação dos bracarenses, mostrou sempre que estava mais perto da vitória.


Pauleta (6' e 32'), Pany Varela (7'), Diego Cavinato (11'), Erick (35'), Cardinal (39') e Alex Merlim (40') marcaram para a equipe leonina, com Bruno Cintra (25') a anotar o único gol dos bracarenses.


Os leões tornam-se assim no emblema com mais troféus da Taça, contabilizando agora oito títulos na sua galeria.


Bruno Guimarães, treinador do SC Braga/AAUM, em discurso direto: “Ganhou claramente a melhor equipe. Entramos muito complexados e sentimos que podíamos ter feito um pouco mais. Saímos orgulhosos pela segundo tempo. Acho que esta equipe vai crescer. O resultado é exagerado. Gostaria de agradecer aos adeptos pela forma como nos receberam na porta do ginásio. Queríamos dedicar-lhes a vitória. Não aconteceu, mas temos aqui muito trabalho pela frente. Fica a atitude e postura do segundo tempo. Podemos esperar muito trabalho, dedicação, alma da nossa parte, procurando que os resultados apareçam tal como estavam até hoje"


Bruno Cintra, jogador do SC Braga/AAUM, em discurso direto: “Acreditámos até ao fim, mas não conseguimos. Deixo aqui uma palavra de orgulho da nossa equipe e de agradecimento aos nossos adeptos, que vieram aqui dar-nos um incentivo extra. Queremos estar aqui mais vezes. Vamos continuar a trabalhar fortes para termos mais frutos no futuro.”


Nuno Dias, treinador do Sporting, em discurso direto: “Fizemos um primeiro tempo extraordinária. Não me recordo de grande trabalho que o Guitta tenha tido. Estivemos irrepreensíveis em termos defensivos e o Braga apenas se aproximou mais quando atingimos o limite das faltas. Não entramos tão bem no segundo tempo, não fomos eficazes nem disparamos no resultado. O Braga, com toda a qualidade individual e coletiva que tem, reagiu bem, criou dificuldades e obrigou-nos em alguns momentos a jogar mais baixo.

Tivemos dois dias irrepreensíveis, à imagem de toda a ‘final a oito’. O Sporting vence os dois jogos e só sofre gols num tiro livre e numa grande penalidade. Não sofreu mais nenhum gol em lance corrido e isso deixa-me satisfeito. Significa que lidero um grupo extraordinário e uma equipa técnica fantástica. Este título não é só do grupo que jogou aqui, mas vem no seguimento da época passada, na qual tivemos nomes como o Deo, Alex e o Léo Jaraguá, que fizeram parte desta conquista".


João Matos, jogador do Sporting, em discurso direto: “Acima de tudo, fica a terceira conquista seguida da Taça de Portugal para o Sporting. É mais um momento histórico para o clube. esperávamos muito jogar esta final, depois de termos eliminado o Benfica nas quartas de final. Concretizou-se e fomos superiores na ‘final four’. Fomos superiores, soubemos sofrer e o Braga teve mérito de nos encostar muitas vezes na nossa meia-quadra. Fomos superiores em quase todos os momentos do jogo e somos merecedores deste título.

É um momento muito especial para mim. Estive presente em todas as conquistas do Sporting. Oito troféus é um grande feito, mas isso pouco ou nada interessa. Interessa é que o clube tenha oito taças de Portugal e estamos muito felizes por isso.


Nós jogamos para a família sportinguista e este título é dos adeptos. Queríamos muito tê-los conosco e sentimos a falta do apoio presencial deles, mas sabemos que, mesmo longe, estão sempre conosco e são o nosso sexto jogador". Ficha de jogo

Final da Taça de Portugal de Futsal Placard Centro de Desportos e Congressos de Matosinhos

SC Braga/AAUM 1-7 Sporting CP (0-3 ao intervalo) Árbitros: Cristiano Santos e Pedro Pereira 3.º árbitro: Ruben Santos Cronometrista: José Moreira

SC Braga/AAUM: Vítor Hugo, Gustavo Rodrigues, Vítor Hugo Silva, Tiago Correia, Bruno Cintra (Cap.) Jogaram ainda: Samuel Marques, Nicolas Lachaga, Ricardo Lopes, Hébbert Bolt, Allan Guilherme, Miguel Ângelo, Fábio Neves, Leandro Costa e Marco Oliveira Treinador: Bruno Guimarães Gols: Bruno Cintra (25') Ação disciplinar: nada a assinalar

Sporting CP: Guitta, João Matos (Cap.), Erick, Pauleta e Merlim Jogaram ainda: Gonçalo Portugal, Diogo Santos, Zicky, Cardinal, Rocha, Taynan, Cavinato, Pany Varela e Mamadu Ture Treinador: Nuno Dias Gols: Pauleta (6' e 32'), Pany Varela (7'), Cavinato (11'), Erick (35'), Cardinal (39') e Merlim (39') Ação disciplinar: nada a assinalar



PATROCINADORES E APOIADORES:

penalty
travel ace assistence
globo
sportv
globoesporte.com
lei do incentivo
secretaria especial do esporte
Confederação Brasileira de Futsal
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle

Confederação Brasileira de Futsal © Todos os direitos reservados.