Indicado ao prêmio de melhor do mundo, Rodrigo pode coroar temporada perfeita no Magnus

Por Emilio Botta • Sorocaba | SP


Aos 36 anos, Rodrigo está prestes a cravar de vez o nome na história do futsal mundial. Contemporâneo de Falcão, considerado o maior nome do esporte, o fixo do Magnus Futsal foi indicado pela quinta vez ao prêmio de melhor jogador do mundo pelo site Futsal Planet, chancelado pela Fifa.

Rodrigo viveu uma temporada perfeita pelo Magnus ao ser campeão invicto da Liga Nacional de Futsal, além de ser eleito o melhor fixo e jogador da competição. Com 15 gols, foi também o artilheiro.

Crédito: Infografia - Rodrigo vem de grandes temporadas atuando no Magnus

O prêmio de melhor jogador do mundo será disputado com mais nove jogadores, sendo seis brasileiros: Deives, Ferrão, Gadeia, Alex Babalu e Pito. Além deles, o argentino Cuzzolino, o russo Niyazov, o espanhol Lozano e o iraniano Tayebi, também concorrem ao posto de melhor da última temporada.


– Confesso que não estava esperando. Minha quinta indicação, agora com 36 anos, acabei ficando três vezes fora da lista. Fiquei muito feliz por estar entre os dez melhores, os números ajudam muito. O sabor é diferente. Foi uma das indicações que mais fiquei feliz. Estamos representa a Liga Nacional, a repercussão está muito grande e pessoas do mundo todo falando que chego forte na briga pelo prêmio. Nunca saí do Brasil, mas as pessoas me respeitam ao redor do mundo. É um orgulho muito grande – disse Rodrigo.

Crédito: Ricardo Artifon - Rodrigo Hardy é capitão da seleção brasileira de futsal

A indicação de Rodrigo foi um das cinco do Magnus Futsal na premiação. Atual campeão nacional, o time do interior de São Paulo concorre como melhor time do mundo. Ricardinho como melhor técnico, além de Pedrinho e Leozinho como melhores jogadores jovens (sub-23) do mundo.


A premiação está na 21ª edição e os vencedores serão divulgados no fim de janeiro. Em nove oportunidades, o prêmio de melhor do mundo ficou com jogadores brasileiros: Manoel Tobias (2000, 2001 e 2002); Falcão (2004, 2006, 2011 e 2012); Schumacher (2008) e Ferrão (2019). O maior vencedor é o português Ricardinho, vencedor em seis oportunidades.

Os números de Rodrigo com a camisa do Magnus 📊

2014 – 56 jogos/31 gols – campeão da Liga Nacional e Liga Paulista

2015 – 69 jogos/57 gols – campeão da Libertadores e Sul-americano

2016 – 49 jogos/34 gols – campeão do mundial

2017 – 51 jogos/54 gols – campeão da Liga Paulista

2018 – 64 jogos/39 gols – campeão do mundial e da Supercopa

2019 – 55 jogos/46 gols – campeão do mundial

2020 – 30 jogos/20 gols – campeão da Liga Nacional e paulista

Total: 374 jogos/281 gols – 11 títulos 🏆

Crédito: World Intercon - Rodrigo ergue a taça do Mundial de clubes pelo Magnus em 2019

Capitão e bicampeão mundial pela seleção brasileira, Rodrigo espera por uma temporada que promete ser de calendário cheio em 2021, com as disputas do Mundial de clubes e da Copa do Mundo de futsal.


– Temos o Mundial de clubes e de seleções nesta temporada. A responsabilidade aumenta, nosso time tem um grande projeto e será um ano ainda mais difícil. Mas pudemos manter o elenco e sei da minha força, minha grandeza, também sendo o capitão da seleção brasileira. Mas penso no conjunto, em chegar forte no Mundial com os 14 escolhidos pelo Marquinhos para a gente buscar de volta esse título. Por tudo que passamos aqui, merecemos trazer de volta esse título.