Filho do ex-goleiro do Santa Cruz volta a ser convocado para a Seleção Brasileira de Futsal

Por Daniel Lima

• Recife | PE

Crédito: Paula Duda

Campeão mundial com a Seleção Brasileira de Futsal em 2012, o experiente salonista pernambucano Rafael Rato, do Viña Albali Valdepeñas, da Espanha, foi mais uma vez convocado para defender o Brasil. O fixo de 37 anos de idade, natural do Recife, do bairro do Cordeiro, estará presente no amistoso internacional contra a Espanha. As seleções se enfrentam no próximo dia 5 de novembro (quinta-feira), na cidade de Madrid, no Pavilhão Ciudad de Las Rozas, conhecido como o caldeirão da Lá Fúria. O último encontro entre as duas potências mundiais da modalidade aconteceu em 2019, no denominado Desafio Mundial. Na ocasião, os brasileiros levaram a melhor em solo espanhol – 2×2 no jogo de ida, em Cáceres, e 3×1 na partida de volta, em Madrid. 


Rato já está há mais de uma década atuando no país ibérico. No Inter Movistar (2011/2019), clube que mais defendeu na carreira, conquistou 15 títulos: cinco Ligas, três Copas Espanha, quatro Super Copas, uma Copa do Rey e duas Copas dos Campeões. O atleta é um dos maiores salonistas do estado de Pernambuco. Seus primeiros passos na quadra foram em 1993, quando era da Associação Atlética Bandepe, onde ficou até 1997, ano em que a instituição encerrou às atividades. Entre 1998 e 1999, o ala jogou no Santa Cruz. O Sport foi o seu último clube pernambucano. Ele esteve no Leão nos anos 2000 e 2001. Em 2002, se transferiu para o Banespa/SP.


Rato é filho do ex-goleiro Luiz Neto, atleta profissional do Santa Cruz nas décadas de 70 e 80. Conhecido como “Paredão”, Luiz Neto atuou na final do Tri-Super Campeonato de 1983.

PATROCINADORES E APOIADORES:

penalty
travel ace assistence
globo
sportv
globoesporte.com
lei do incentivo
secretaria especial do esporte
Confederação Brasileira de Futsal
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle

Confederação Brasileira de Futsal © Todos os direitos reservados.