A Rede Brasileira Antidopagem soltou um comunicado referente a medidas de prevenção da antidopagem

À Rede Brasileira Antidopagem soltou um ofício hoje 18 de maio, referente a medidas sobre a prevenção da antidopagem.

Boletim ABCD Especial - Ciência e Educação - 1ª Edição Abril/2020

O #JOGOLIMPO, dando continuidade ao plano de comunicação da Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem na trilha de sua Missão, a de ampliar a cultura antidopagem no Brasil, apresentou a primeira edição do Boletim ABCD Especial - Ciência e Educação, o qual pretende focar em temas únicos e mais aprofundados, escrito por profissionais experientes nas mais diversas áreas.


A primeira edição do Boletim ABCD Especial com o título "O Risco no Consumo de Produtos Manipulados" de autoria da Coordenadora de Operações, Maria Fernanda Carraca, formada em nutrição pela Universidade de Brasília (UnB), com especialização em clínica e Terapêutica Nutricional, além de estudiosa, é praticante e apaixonada por esportes. Você consegue visualizar o arquivo clicando aqui.


O tema escolhido representa uma das principais missões da antidopagem mundial que é a saúde do atleta. Aqui representada pela boa alimentação, alimentação saudável, pela nutrição orgânica e natural preferencialmente aos suplementos alimentares artificiais, industrializados ou manipulados comercialmente. Em sede de julgamento há uma angústia muito grande, do atleta e da sua família principalmente, para tentar provar a não intenção de violação de regra com a defesa de contaminação. Frise-se que a não intenção não exclui a culpa e não decreta a inocência, pelo contrário, a sanção será aplicada com base no tamanho do risco assumido pelo atleta. E é isso que o artigo da nutricionista Maria Fernanda Alcântara detalha a seguir, para quem sabe ao final possamos refletir e responder intimamente à pergunta: Qual o valor de uma medalha? Vale o risco de perdê-la por violar a regra antidopagem? E ainda, qual o valor da minha saúde, hoje e daqui a 10 anos?


A ABCD desaconselha o uso de qualquer marca de suplemento pelos atletas. É necessário avaliar bem se cabe arriscar suas carreiras com a manutenção desse hábito. Isso porque muitos suplementos podem estar contaminados com substâncias proibidas no esporte, sem que estejam listadas nos rótulos dos ingredientes conforme determina a legislação No entanto, sabemos que pode haver circunstâncias em que médicos ou nutricionistas recomendam suplementos ou atletas, que por conta própria, usam suplementos independentemente do risco. Dessa forma é importante conscientizar tanto atletas, como pessoal de apoio sobre as ameaças envolvidas nesse consumo .


É importante ressaltar, que pela legislação vigente, o atleta é o responsável por qualquer substância proibida encontrada em seu corpo e mesmo que os produtos sejam avaliados a posteriori e seja constatada a contaminação, a sanção pode até ser atenuada em alguma medida, mas ainda assim o atleta será sancionado sob as regras da antidopagem. Dessa forma não se recomenda o consumo de produtos manipulados se o atleta não puder obter garantias objetivas quanto ao processo de produção.


Reduzindo o risco

Se o médico deseja prescrever um medicamento a ser manipulado para você, primeiro pergunte se um medicamento preparado comercialmente está disponível. Se o seu medicamento precisar ser manipulado devido a alergias ou outras preocupações, peça para conversar com o farmacêutico responsável sobre a farmácia de manipulação e suas políticas. Esse farmacêutico está lá para garantir que a empresa atenda aos padrões de qualidade para manter os pacientes seguros. Diga ao farmacêutico que você é um atleta e precisa saber se algum ingrediente consta na Lista Proibida da Agência Mundial Antidopagem.


Por fim, cabe ressaltar que ganhos incríveis podem acontecer se treinamento, descanso e recuperação estiverem associados a uma alimentação balanceada e proporcional aos requerimentos fisiológicos da modalidade praticada. Devendo o atleta, sempre que possível, aproveitar ao máximo os benefícios da sua dieta. Se não souber por onde começar, consulte um especialista em nutrição para que em conjunto organizem a alimentação adequada ao desempenho. As melhoras acontecerão não só na performance, mas na saúde geral do esportista e os riscos serão assim minimizados A Rede Brasileira Antidopagem Informou que a página virtual oficial da ABCD está em processo de reformulação para modernização nos moldes das demais páginas da Secretaria Especial de Esporte que já foram atualizadas, o que permitirá melhor fluxo de acesso as informações, comunicados, notícias, publicações e cursos na plataforma à distância os quais em breve detalharemos e divulgaremos para vocês.


O #JOGOLIMPO é responsabilidade de todos que fazem parte do Jogo.



PATROCINADORES E APOIADORES:

penalty
travel ace assistence
globo
sportv
globoesporte.com
lei do incentivo
secretaria especial do esporte
Confederação Brasileira de Futsal
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle

Confederação Brasileira de Futsal © Todos os direitos reservados.