Página com informações sobre o credenciamento para eventos, competições organizadas pela CBFS e jogos da Seleção Brasileira realizados dentro do Brasil.

O credenciamento acontecerá competição a competição (exceto a Copa do Brasil Sicredi Masculino e a Copa do Brasil Feminino, que será realizado por partida).

Os responsáveis pelos veículos de comunicação poderão escolherem as competições/partidas que gostariam de cobrir, selecionar os profissionais designados para cada evento e, por fim, enviar a solicitação de credenciamento. (abaixo contém um anexo mostrando passa a passo para se credenciar).

 

Para o envio da solicitação de credenciamento, a pessoa deverá escolher a competição/partida e preencher o formulário abaixo com todas as informações, caso esteja faltando algum campo, poderá não ser autorizado para cobrir o evento.

 

O prazo para o credenciamento será de 6 dias ou até o preenchimento de todas as vagas antes das 72h que antecedem a competição/partida, para dar início ao preenchimento do Inquérito Epidemiológico conforme divulgado no Protocolo de Retomada dos Jogos da Confederação Brasileira. Estando tudo ok, o profissional estará apto a cobrir a competição/partida.

 

Solicitações fora do prazo não serão aceitas. Após o término do credenciamento, os profissionais receberão um e-mail se estarão apto ou não para cobrirem a competição/partida. A simples solicitação não garante acesso a/ao quadra/ginásio. (Lembrando que a data e o horário do evento na página do credenciamento são de acordo com a data limite para se credenciar).

As credenciais aprovadas serão comunicadas por e-mail e a retirada no dia da competição/rodada/partida.

RETIRADA DE CREDENCIAL: A retirada da credencial acontecerá no dia da partida, 2h antes do início da partida. É IMPRESCINDÍVEL A APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTO DE IDENTIFICAÇÃO E/OU CRACHÁ DA EMPRESA QUE TENHA NÚMERO DO DOCUMENTO.

 

Controle de acesso da imprensa e distribuição das credenciais. Suporte direto ao representante CBFS da partida;

 

Todos os indivíduos a serviço serão submetidos ao controle de temperatura corporal e conferência de listagem antes de adentrar ao ginásio.

 

Em caso de temperatura acima de 37,5°C, a pessoa será impedida de acessar o ginásio e deverá ser imediatamente encaminhada à avaliação médica.

 

É obrigatório para acessar o ginásio o uso de máscaras (com ou sem face shields), mantendo-se no decorrer do trabalho o uso das máscaras e o distanciamento recomendado pelas autoridades de saúde. Perderá o direito de acesso ou permanência no ginásio o profissional que não atender tais determinações.

As máscaras (com ou sem face shields) e luvas são de uso pessoal e cada profissional é responsável pelo seu próprio material.

 

Em caso de desrespeito às normas estabelecidas por parte do credenciado, a equipe da CBFS poderá retirar a credencial e exigir que a pessoa se retire da área de competições ou Ginásio.

Todas as pessoas a serviço, dentro deste quantitativos, deverão estar devidamente credenciadas para a referida partida, a fim de que seja autorizado seu acesso às áreas sensíveis detalhadas no protocolo de retomada dos jogos (Zona 1, 2 e 3).

Uma vez em posse da credencial, cada indivíduo ao ser escalado para atuar em uma competição/partida por seu contratante, deverá ter esse acesso liberado a fim de que o controle de acesso da CBFS para a partida possa reconhecer a credencial e autorizar a respectiva entrada.

 

Todas as pessoas a serviço do detentor dos diretos de transmissão da competição, jornais/sites, rádios e fotógrafos deverão estar devidamente credenciadas para a referida partida, a fim de que tenham autorizado seu acesso ao ginásio

 

O acesso dos profissionais de imprensa das competições obedecerá aos critérios abaixo:

 

TVs detentoras dos direitos de transmissão:

I. A quantidade de profissionais irá variar de acordo com a demanda da partida (confronto, horário e plataforma), mas deverá ficar entre 3 e 16 profissionais por partida, separados por zonas, de acordo com o protocolo de retomada de jogos;

II. Somente terão acesso à Zona 1 (Quadra) e Zona 2 (Ginásio) os técnicos e câmeras envolvidos diretamente na transmissão da partida;

III. Não será permitido o posicionamento e trânsito de repórteres e produtores nas áreas sensíveis.

 

Jornais, sites, TVs, Rádio e Fotógrafos não detentoras:

I. Será realizado o credenciamento para até 6 profissionais

II. O credenciamento será feito pelo site da CBFS;

III. O acesso se dará a partir de 2h do horário marcado para início da partida, se encerrará 30min minutos antes do início da partida e ocorrerá em portão previamente indicado pela CBFS;

IV. Os profissionais serão posicionados na arquibancada, em local previamente designado pelo representante da CBFS, obedecendo o distanciamento de 1 (um) metro entre cada pessoa;

V. A permanência no local será permitida até 1 (uma) hora após o término da partida (Rádio/TV) as demais deverão sair assim que se encerrar a partida/rodada. Em caso de prorrogação e disputa de pênaltis, o prazo se inicia após a última cobrança (exceto na final, na qual se inicia após o capitão erguer o troféu);

VI. Não haverá acesso a cabines de transmissão (jornais/sites/fotógrafos) ou estrutura interna (Quadra).

VII. Apenas Rádio e TVs - Se a presença prévia de 1(um) técnico for necessária para a instalação de equipamento na arquibancada ou cabines de transmissão, este deverá deixar o local antes da chegada do profissional que trabalhará na cobertura da partida. Tal técnico também deverá estar credenciado e com o acesso previamente autorizado.

 

Todos devem estar com a credencial de identificação normalmente utilizado nas competições coordenadas pela CBFS. O material será entregue no portão de acesso.

 

Entrevistas:

A entrevista do técnico (pré-jogo) e dos atletas (no intervalo e no pós-jogo) serão realizadas por 2(dois) repórteres (detentoras dos direitos de transmissão) que acompanharão a partida da arquibancada, no local mais apropriado para movimentação. 5(cinco) minutos antes do momento da entrevista, o representante da CBFS comunicará aos assessores dos clubes, que acionarão os repórteres. Estes descerão a um acesso mais próximo a quadra para entrevistar em comum microfone levado até o personagem (treinador, jogador) por um suporte à distância. O representante da CBFS e a assessoria de comunicação do clube ficarão com a responsabilidade de posicionar os entrevistados.

 

A CBFS não será responsável pelo fornecimento de internet, energia elétrica ou qualquer outro item necessário à execução do trabalho da imprensa. Tais demandas deverão ser comunicadas diretamente ao clube e/ou ao gestor do ginásio.

Conforme regimento da CBFS, fica estabelecido:

- Não será autorizada a entrada ou permanência no entorno da quadra com camisa regata, chinelos ou calçados abertos, apelos comerciais em roupas e acessórios, fumando e/ou comendo.
- Fica permitido o uso de bermudas para fotógrafos, nas cores preta, bege ou marrom, em tom único.
- É vedado aos radialistas toda e qualquer produção de imagens, seja com câmeras ou celulares.
- Fica vedado aos fotógrafos a captação de imagens das partidas ou das entrevistas com aparelhos celulares.
- Não é permitido o consumo de bebida alcoólica pelos profissionais credenciados pela CBFS.
- O descumprimento de quaisquer das regras expostas neste regulamento implicará na suspensão de credenciamento do profissional para o entorno da quadra, podendo o veículo solicitar a sua substituição.
- A reincidência no descumprimento implicará em suspensão de credenciamento do veículo para o entorno da quadra.

– As rádios não estão autorizadas a fazer nenhum tipo de imagem, incluindo do narrador e dos comentaristas, em suas transmissões.

Manual uso imprensa

Download

Não há eventos programados no momento

PATROCINADORES E APOIADORES:

Confederação Brasileira de Futsal
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle

Confederação Brasileira de Futsal © Todos os direitos reservados.