Internacional
  CBFS       01/04/2019  

Crédito: Sporting

O clássico português recheado de rivalidade entre Sporting e Benfica marcou a decisão da Taça de Portugal no último domingo (31/3). Com muitos brasileiros dos dois lados, os leões levaram a melhor, repetindo o feito da temporada 2017/2018 - após o empate em 5 a 5 na partida, o Sporting triunfou nos pênaltis, com 3 a 2 no placar das cobranças.

Tolrà e Robinho colocaram o Benfica em vantagem ainda no primeiro tempo. Dieguinho diminuiu para o Sporting, mas André Coelho voltou a ampliar para as águias. Cardinal, a dois minutos do intervalo, fez o segundo dos leões.

A volta para a etapa final trouxe o empate do Sporting, após cobrança de escanteio de Deo que desviou no meio do caminho - e pouco tempo depois Merlim estufou as redes para colocar a equipe pela primeira vez em vantagem.

As emoções não pararam. Roncaglio fez para o Benfica e deixou tudo igual no apito final.

O tempo extra deu esperança de título ao Benfica, que conseguiu uma virada com Fernandinho. Porém, Rafael Henmi, contra, definiu o placar da partida em 5 a 5.

Nos pênaltis, Robinho perdeu para o Benfica, enquanto o Sporting converteu todos - um deles com Dieguinho -, e ficou com o título.

Com informações das Assessorias de Imprensa do Sporting e do Benfica