Copa do Brasil
  CBFS       05/10/2018  

Crédito: Vítor Kortmann/Jec

O Corinthians (SP) não se intimidou com a pressão do no Centreventos Cau Hansen e levou a melhor no jogo de ida da final da Copa do Brasil diante do Jec/Krona (SC). As equipes se enfrentaram na noite desta quinta-feira (4/10) e o alvinegro paulista superou o tricolor catarinense com direito a 4 a 1 no placar.

Com o resultado o Corinthians adquire a vantagem do empate para ficar com o título no jogo de volta. Uma vitória simples do Jec no tempo normal leva a partida para a prorrogação. Caso o tempo extra termine sem vencedor, a disputa do título será nos pênaltis. O novo encontro entre as equipes está marcado para o dia 11, em São Paulo.

O jogo

Os ingredientes para uma grande partida marcaram presença na final da Copa do Brasil. O equilíbrio entre as equipes fez o placar ficar zerado na etapa inicial, mas as emoções foram intensas durante os 20 minutos iniciais de bola rolando.

Entre as chances desperdiçadas, destaque para Henrique, que teve a chance de colocar o Corinthians em vantagem, mas viu o goleiro Willian crescer e fazer uma grande defesa. Já o Jec quase alterou o placar com o ex-corithiano Leandro Caires, que não conseguiu aproveitar a chance após jogada individual de Ewerton.

O início do segundo tempo trouxe finalmente o gol para o público, e foi do time visitante. Aos 10 minutos, Wilde encontrou Daniel livre, que finalizou e conseguiu encontrar o caminho das redes.

Apesar da desvantagem, o Jec soube manter a calma para buscar a igualdade, que veio pouco tempo depois. Thiaguinho tabelou com Leco e bateu com precisão para deixar tudo igual.

O triunfo

Aí foi a vez do Corinthians mostrar superioridade na partida. Em grande fase, Murilo estufou as redes em jogada ensaiada de falta com Renatinho.

Com a desvantagem, o tricolor precisou apostar no goleiro-linha, com Thiaguinho na função. Porém, quem aproveitou foi o time alvinegro, que marcou outras duas vezes, com Nenê e Daniel, fechando o triunfo dos visitantes.