Bola rolando
  FEDERAÇÕES       23/05/2018  

Crédito: CARLOS VIEIRA/CB/D.A PRESS

A primeira fase da Copa do Brasil trará três jogos para Brasília. Os confrontos da Adulto Feminina e Masculina ocorrerão no ginásio do Cruzeiro. Dia 25/5, Apcef/Adef/Upis encara o Minas Icesp Brasília, a partir das 20h15. As duas equipes se enfrentam novamente no dia 2/6, a partir das 20h. Já pela Adulto Masculina, a AABB/Upis tem compromisso no dia 3/6, a partir das 11h30.

O confronto caseiro entre Apcef/Adefp/Upis promete muitas emoções. Além da rivalidade entre as duas equipes, também marca a estreia em jogo oficial de Lucas Fernandes, o Guina, como treinador da Apcef/Adef/Upis. Isso, sem falar na primeira participação do Minas Icesp Brasília em certames nacionais promovidos pela Confederação Brasileira de Futebol de Salão (CBFS).

“Desde o início do ano, o Guina assumiu como treinador da nossa equipe, mas esta será a estreia oficial dele e logo em um jogo em uma competição desse porte, que é a Copa do Brasil”, destaca Tatiana Weysfield, uma das coordenadoras da Apcef/Adef/Upis.

Segundo ela, o time tem treinado de forma intensa e quem for ao ginásio acompanhar a partida poderá assistir a um jogo de elevado índice técnico. “A gente tem treinado de forma a ser feita em jogo, com um modelo renovado, tanto da parte ofensiva quanto da defensiva. Também estamos estudando muito a forma de jogar dos clubes do DF, assim como os clubes nacionais. Então, o que a gente vai poder esperar da partida é que será de elevado índice técnico, bonito de se assistir e de muita intensidade”, comenta a técnica.

Quanto à expectativa em termos de resultado, Tatiana é categórica. “Não tem como falar de resultado, porque é um jogo complicado. O bom é que quem ganha é o DF, pois já terá uma equipe da cidade classificada para as quartas de final da Copa do Brasil”, destaca.

Do lado do Minas Icesp Brasília, a expectativa da equipe se dá por conta de ser a primeira competição nacional promovida pela CBFS que o grupo irá participar.

“Desde o início do projeto do futsal, em 2016, é a primeira vez que nosso time principal participa de uma competição nacional da CBFS. Então, estamos nos sentindo muito agraciadas e felizes por esta conquista”, comenta Nayeri Albuquerque, presidente do Minas Icesp Brasília.

A preparação também é intensa, afinal , a equipe sabe que a participação em um certame nacional, além de também dar destaque a equipes de Brasília no cenário nacional, também trará bagagem a todos. “Desde o título do Brasiliense de 2017, o que nos proporcionou condições de participar da Copa do Brasil, estamos nos preparando para representar bem Brasília e o Minas Icesp Brasília, porque sabemos a importância da competição e da responsabilidade, além de nos proporcionar conhecimento e amadurecimento”, pontua a dirigente.

O primeiro duelo pela Copa do Brasil entre Apcef/Adef/Upis e Minas Icesp Brasília ocorre na sexta-feira (25), a partir das 20h15. As meninas se encontram novamente no sábado, 2 de junho, às 20h. os confrontos serão realizados no ginásio do Cruzeiro.

Adulto Masculino de volta ao cenário nacional

A participação da AABB/Upis na Copa do Brasil marca o retorno do futsal adulto do DF aos certames nacionais. Em 2014, membros da equipe participaram da Liga Nacional, com o Green Team. Atletas como Fernando Martins, Pulga, Weverton Santos, João Victor, João Marcelo e o técnico Eugênio Lira, que comanda o time da AABB/Upis, estavam no time do DF naquela ocasião.

Este ano, os mesmos estão na AABB/Upis e, junto aos demais atletas e membros da comissão técnica, têm feito um trabalho bastante concentrado para a competição. Segundo Eugênio Lira, a expectativa é grande. “Depois da Liga Nacional, em 2014, o DF não participou mais de competições grandes assim. Por isso, a expectativa é a melhor possível. Nossa equipe está treinando muito forte para representar a cidade da melhor forma. Vamos enfrentar o campeão estadual de Tocantins, o Porto EC. Será um confronto e tanto e esperamos contar com o apoio de nossa torcida no jogo de ida. Queremos fazer um grande jogo e chegar com boa vantagem no duelo de volta, em Tocantins”.

Um dos atletas que participaram da Liga Nacional em 2014, Weverton Santos, também enaltece a volta de uma equipe de Brasília ao cenário nacional. O jogador começou a carreira na modalidade em 2011, quando, com um grupo de amigos de Planaltina-GO, formou um time na categoria Sub-20 para disputar o Torneio Arimatéia 2011/2012. Neste mesmo ano, a equipe fez bonito e chegou às semifinais. Naquele momento, dois membros da comissão técnica da AABB/Upis que acompanharam o desempenho do time de Planaltina-GO os convidaram para um teste na AABB/Upis.

Vários atletas participaram do teste, porém, só havia duas bolsas 100% e uma delas ficou com Weverton. “Estava iluminado naquela noite e fui um dos atletas a conseguir a bolsa de estudo. Com isso, começou minha história na AABB/UPIS. Neste mesmo ano, consegui ser artilheiro do Campeonato Brasiliense Sub-20 e vice-campeão do Brasiliense Adulto”, relembra Weverton.

Em 2013, a AABB/Upis foi campeã da Taça Brasília de Futsal e Weverton foi o grande destaque, ficando com a artilharia da competição. A promessa do futsal do DF logo foi convidada para participar da equipe Green Team/Sesi e disputou a Liga Nacional, em 2014. Para ele, foi a realização de um sonho.

“Vi o sonho de um garoto ser realizado, porque estar em quadra jogando contra o melhor de todos os tempos, o Falcão, e também jogar contra as melhores equipes do Brasil me trouxe muita experiência”, conta Weverton.

Mas o garoto encerrou sua participação no Green Team e, em 2015, viu as portas da AABB/Upis se abrirem novamente. “Foi um ano maravilhoso, pois comecei meu trabalho com o professor Eugênio Lira. Nesse mesmo ano, conseguimos ser campeões brasilienses. Eu havia trancado a faculdade em 2014 e voltei a estudar em 2015”.

Mas se os anos anteriores já foram ótimos, em 2016 foi melhor ainda. “O ano de 2016 foi uma maravilha. Fomos campeões Brasileiros dos Jogos Universitários (JUBS), em Cuiabá (MT), e também campeões da Taça Brasília de Futsal. Fui artilheiro de três competições e fechei a temporada coroado com o prêmio de melhor do DF 2016”.

Superação

Uma história de sucesso não vem enfeitada apenas de maravilhas. As adversidades fazem parte da vida de qualquer atleta e com Weverton Santos não foi diferente. Depois de anos brilhantes e cheios de conquistas, o atleta se viu em situação muito difícil em 2017.

Em partida válida pela final dos Jogos Universitários do DF, o camisa 10 da AABB/Upis fraturou o tornozelo e rompeu os ligamentos. “Fiquei muito abalado, pois estava no meu melhor momento e com grandes chances de disputar a Liga Nacional novamente. Porém, tive de fazer cirurgia e o receio de não voltar a jogar era grande. Ouvi de médicos que não poderiam me dar a certeza que eu voltaria a jogar. Isso me machucou bastante, mas levantei a cabeça e disse pra mim mesmo ‘Eu sou capaz’”, lembra o craque.

Weverton se dedicou 100% ao tratamento e, em cinco meses, voltou a vestir a camisa da AABB/Upis. “Este ano foi muito importante para mim, pois as adversidades me tornaram mais forte. Fomos campeões da Copa Sesc/Rede Globo de Futsal e também do Campeonato Brasiliense. Com o título desse último, conquistamos a vaga para a Copa do Brasil”.

Participar do certame nacional, para Weverton Santos e para toda a equipe da AABB/Upis é extremamente importante. “Estamos nos preparando para conseguir fazer uma boa competição. Conseguir, de fato, colocar Brasília no cenário nacional do Futsal, hoje depois de tudo que passei, de todos os momentos que tive com a AABB/UPIS, me sinto um cara muito realizado. Além de todas as conquistas como jogador da AABB/Upis, a UPIS me proporcionou ser um cidadão formado. Estou concluindo o curso de Administração e, por isso, ficam aqui meus sinceros agradecimentos a todos os envolvidos da AABB/Upis e aos meus familiares e amigos que sempre tiveram me incentivando para que eu pudesse ter todas estas conquistas”, conclui o atleta.

Histórias de superação como a de Weverton Santos se misturam a várias outras que podem ser contadas por membros da comissão técnica e atletas da AABB/Upis. A equipe é a representante da cidade na Copa do Brasil Adulto Masculina e merece a torcida do DF.

O primeiro desafio da AABB/Upis na Copa do Brasil será domingo (3/6), a partir das 11h30, no ginásio do Cruzeiro, contra o Porto EC (TO).

Com informações do portal Viversports