Sport vence
  TAÇA BRASIL       26/04/2018  

Crédito: Sport derrota APAMA e estreia com o pé direito na Taça Brasil

Sport Club do Recife e APAMA se enfrentaram no segundo jogo da primeira rodada da Taça Brasil de Clubes – Sub-17 Masculino (Divisão Especial). Em partida equilibrada e decidida em detalhes, o Sport Club do Recife derrotou a APAMA por 3 a 1. Na estreia das duas equipes não faltou vontade e intensidade.

 

O Sport começou a partida com muita velocidade, trocando passes rápidos e com muita movimentação. O início animado do time foi recompensado com um gol logo de cara: aos 4 minutos de jogo Deivison bateu firme de perna direita e abriu o placar para o time pernambucano.

 

Após levar o gol o APAMA conseguiu trocar passes com mais tranquilidade, mas a marcação alta do Sport incomodou muito o time catarinense, que por diversas vezes foi obrigado a abdicar da posse de bola na quadra de defesa para não sofrer o gol.

 

O Sport continuava pressionando, arriscando chutes de fora da área, tentando movimentações rápidas e passes verticais, mas o APAMA estava bem postado defensivamente e foi segurando o resultado. Em jogada de contra ataque, o time catarinense conseguiu sair jogando bem em passe alto no meio. Na dividida, a bola sobrou na direita para Pablo Henrique chutar forte e empatar o placar.

 

O segundo tempo começou semelhante ao primeiro: Sport pressionando e APAMA aguardando um contra ataque. O time pernambucano tentou marcar rapidamente, mas o adversário se defendia bem, até que em erro do goleiro, a bola sobrou para o Gabriel chutar para o gol vazio e desempatar o jogo.

 

Com a desvantagem no placar o time catarinense precisava pressionar mais, e a busca pelo empate começou com a entrada de um goleiro linha. O jogo continuou muito disputado e com muita intensidade durante toda a segunda etapa.

 

Enquanto pressionava pela reação, o APAMA errou em bola atravessada horizontalmente no meio da quadra e o Sport saiu rápido em velocidade. Deivison passou pelo marcador e tocou para Gabriel apenas tocar para o fundo do gol e deixar sua marca pela segunda vez na partida.

 

Para o técnico Robson Boni do APAMA, a vitória escapou devido a falta de experiência de seus jogadores. Segundo ele, a base do time que conquistou a vaga no ano passado atingiu idade limite, mas ele acredita que seus jogadores possam evoluir no decorrer da competição. “Dentro da nossa limitação ainda fizemos um jogo bom contra o Sport, que é uma grande equipe”, completou o técnico do time catarinense.

 

*Com informações do jornalista contratado pela  CBFS