Madureira goleia na estreia
  TAÇA BRASIL       26/04/2018  

Crédito: Madureira vence ASAF por 4 a 1 na estreia da Taça Brasil de Clubes – Sub-17 Masculino

A primeira partida da Taça Brasil de Clubes – Sub-17 Masculino (Divisão Especial) começou muito disputada. ASAF e Madureira se enfrentaram em jogo marcado por muita vontade e divididas fortes. O time carioca saiu vitorioso por 4 a 1.

O Madureira abriu o placar no início da primeira etapa. Aos 5 minutos de jogo, Guilherme Gonçalves recebeu boa bola pelo lado direito em jogada de velocidade, camisa 7 bateu de perna direita e inaugurou o marcador para o Madureira.

Após o gol, a partida continuou muito pegada, com divididas fortes e muita marcação dos dois lados. Em busca do empate, o time gaúcho tentou tomar as rédeas da partida e passou a criar mais situações de gol. Enquanto isso, o Madureira esperava por um contra-ataque para ampliar a vantagem no marcador.

As equipes voltaram para o segundo tempo querendo jogo. Logo aos 2 minutos de jogo o time carioca conseguiu o contra-ataque que esperou por toda a primeira etapa e em velocidade marcou o segundo gol. Robson Júnior veio em velocidade contra o time gaúcho desarmado. Cara a cara com o goleiro, o camisa 11 tirou bem e ampliou o placar.

A partida continuava muito intensa no segundo tempo. Sem querer perder, os dois times às vezes até se excediam na vontade, fazendo com que o jogo ficasse travado, com muitas faltas e algumas lesões sérias.

Após levar o segundo gol o ASAF voltou a pressionar mais. O técnico Fábio Avila colocou o time pra frente com a entrada do goleiro linha e a pressão passou a ser cada vez maior, mas o risco de sofrer o gol em jogada de contra ataque ou em um erro só aumentava. E foi o que aconteceu. Após erro na saída de bola do ASAF, o Madureira recuperou a bola e saiu no contra-ataque. Fábio Lyra recebeu a bola no meio da quadra e bateu para o gol vazio, aumentando o placar para 3 a 0.

Em mais um ataque do time gaúcho, o goleiro linha tentou a finalização, que saiu fraca para o gol. Após fazer a defesa o goleiro Rayan mandou a bola para o gol atravessando a quadra inteira. Com o 4 a 0, o time carioca passou a acalmar mais as ações do jogo em busca da manutenção do resultado, mas o ASAF não se deu por vencido e continuou a pressionar, até que deu certo. Em jogada rápida com boa troca de passes no ataque, Gabriel Chaves conseguiu descontar.

Após a partida o técnico do Madureira, José Luiz da Silva, falou sobre a importância de estrear com uma vitória e exaltou também o nível da competição. “O time se comportou muito bem para uma estreia e isso nos dá uma tranquilidade maior para a sequência do campeonato”, afirmou o dirigente carioca