Na área
  CBFS       26/06/2017  

Crédito: Arquivo pessoal

A torcida do Magnus (SP) já entrou em contagem regressiva para conhecer de perto um dos grandes reforços para a temporada: o pivô Éder Lima. Brasileiro naturalizado russo, Éder volta ao Brasil depois de várias temporadas de destaque na Rússia, onde se notabilizou com gols e boas exibições.

Eder já participou de duas edições da Copa do Mundo. Em 2012, sagrou-se artilheiro da competição com 9 gols, e em 2016 anotou 10 gols e ficou com o segundo lugar na artilharia, empatado com o craque Falcão. No campeonato russo, o pivô tem 390 gols e já recebeu o prêmio Chuteira de Ouro, como maior marcador europeu, com 73 gols em uma única temporada.

"Estou muito feliz e motivado nessa nova etapa. Espero poder fazer um bom trabalho junto com meus companheiros e poder ajudar o Magnus Futsal a alcançar os objetivos. Hoje é um clube conhecido internacionalmente pelo título do Mundial de Clubes o que é mais uma razão para eu estar determinado dentro de quadra", comemorou Eder Lima.

O novo atleta já se junta ao elenco sorocabano para dar início aos treinamentos, acompanhado pelos departamentos físico, médico, nutricional e técnico. Agora vestindo as cores do time, o novo camisa 5 celebrou o fato de poder jogar ao lado do craque Falcão.

"Atuar ao lado do Falcão será um prazer enorme. Falcão é uma lenda do nosso esporte e isso me motiva ainda mais a desempenhar um bom papel. Eu conheço todo o elenco do Magnus Futsal bem como a comissão técnica, são profissionais de alto nível e muito capacitados", finalizou o pivô.

Filosofia da equipe

A contratação do pivô faz parte do planejamento traçado pelo clube para a disputa das competições de 2017. O presidente Fellipe Drommond, diretor executivo da TFW Marketing Esportivo, empresa gestora do projeto, enfatizou a importância de um reforço desta magnitude pelo Magnus Futsal.

"A chegada do Éder Lima confirma a força da nossa equipe no cenário do futsal mundial. Mais um grande atleta que escolhe o Magnus Futsal, mesmo cobiçado por grandes clubes do mundo, mantendo a nossa diretriz de internacionalização da marca e manutenção de um grupo competitivo, atrelando sempre jovens talentos promissores com grandes estrelas do futsal", analisou Drommond.

Com informações da Assessoria de Imprensa do Magnus Futsal