Com moral
  CBFS       02/05/2017  

Crédito:

O carioca Léo Higuita foi eleito novamente o melhor goleiro do mundo de futsal. Neste final de semana o site Futsal Planet divulgou os vencedores do prêmio AglaFutsal Awards, premiação referente aos melhores da temporada. E o camisa 2 do Kairat (CAZ) foi escolhido pelo segundo ano consecutivo o melhor da sua posição.

A notícia veio um dia após a eliminação do Kairat contra o Inter (RS), pela UEFA Futsal Cup, nas semifinais. Neste domingo (30), já como melhor do mundo também na atual temporada, Higuita brilhou defendendo pênalti decisivo e deu ao Kairat a medalha de bronze na competição contra o Ugra (RUS). O jogador comemorou bastante a conquista do prêmio.

"Tenho feito um trabalho bom realmente pra ser pelo segundo ano consecutivo escolhido melhor do mundo. Meu estilo de jogo foi aceito finalmente pela maioria dos clubes, treinadores, então muito gente agora está admirando meu estilo de jogo ao invés de criticar. Essa conquista pessoal é muito gratificante", afirma.

"Essa conquista veio um dia após nossa eliminação onde foi bastante doloroso e acabou sendo uma alegria não só pra mim mais pra todo o grupo que ficou feliz com essa conquista. Levantou o ânimo do time. Apesar de ser um prêmio individual eu não vejo assim, vejo como um prêmio que temos que compartilhar com o clube, Seleção, com meus treinadores, tanto o Cacau quanto o de goleiros, o Garrote. Essa conquista pessoal vem muito do coletivo, então quero agradecer a todos que me ajudaram para conseguir ganhar novamente", complementa o goleiro.

O camisa 2 quer continuar fazendo história e ser nos próximos anos novamente o melhor do mundo, mas sabe que pra isso acontecer vai depender também de toda a equipe. Higuita sabe que se manter no topo não é nada fácil.

"Primeiro temos que pensar em conquistas coletivas. Nosso primeiro objetivo é classificar novamente o Kairat para a fase final da UEFA Futsal Cup, pois é o maior objetivo da temporada no clube. E através das conquistas o trabalho pessoal vai aparecendo e se Deus quiser vou poder estar entre os melhores novamente. Tem aquele ditado que diz que difícil não é chegar ao topo, é se manter lá. Pelo segundo ano conseguir permanecer entre os melhores é bastante gratificante, um sonho realizado", finalizou.

História

Nascido em uma família repleta de goleiros, não restou alternativa a Léo Higuita que não fosse seguir os passos do pai e do tio. O atual camisa 2 do Kairat começou sua história no futsal com apenas sete anos no Social Ramos Clube, clube onde surgiu um dos maiores jogadores de futebol de todos os tempos: Ronaldo Fenônemo.

De lá passou por pelos grandes clubes do Rio de Janeiro, como CR Flamengo, CR Vasco da Gama e Fluminense FC. Atuou ainda pelo CSSE e River FC. Já na categoria juvenil foi para o Cabo Frio Futsal, onde se profissionalizou. Após três temporadas e dois títulos cariocas pelo clube cabofriense, Higuita retornou ao Vasco, em 2009, para jogar a Liga Nacional.

Após se destacar no famoso clube brasileiro, foi para o Tulpar, do Cazaquistão. Em seguida, se transferiu para o futsal português, onde atuou no Belenenses. Após isso, se transferiu para o Kairat, em 2011. No clube cazaque foi bicampeão da UEFA Futsal Cup e eleito melhor goleiro do mundo duas vezes.