LNF
  CBFS       05/04/2017  

Crédito: Gustavo Cezarino

No duelo de estreia pela Liga Nacional de Futsal, a ADC Intelli/Recon/ MRG/Paraíso foi derrotada em casa, por 4 a 2, para o Pato Futsal. O confronto aconteceu na sexta-feira (31/3) na Arena João Mambrini, em São Sebastião do Paraíso (MG).

Jogo

Com um quarteto mais experiente em quadra, a equipe do Pato Futsal iniciou o duelo com mais iniciativa, tanto que não demorou muito para abrir o placar em finalização de Danilo Baron, com dois minutos jogados.

O susto fez com que a equipe paraisense buscasse mais as jogadas ofensivas. Em lance individual seguido de uma boa finalização de fora da área, Leandro balançou as redes, mas do lado de fora, levando perigo ao gol adversário.

A Intelli mantinha o controle do duelo, mas foram os paranaenses que chegaram ao gol, dessa vez com Trentin, aos oito minutos. No lance seguinte, os mandantes quase diminuíram o placar. Após interceptação de passe de Rafinha, Serginho finalizou na saída do goleiro Di Fanti, mas a bola saiu pela linha de fundo.

Com a desvantagem no placar, os mandantes se atiraram ao ataque, mas novamente quem marcou foi o Pato Futsal em finalização de Leandro Simi dando números finais à primeira etapa.

Segue o jogo

O segundo tempo iniciou como terminou o primeiro, com a Intelli tomando a iniciativa do jogo e logo no primeiro minuto foi premiada com um gol. Em saída de bola errada dos paranaenses, Claudinho fez o desarme e, praticamente sem goleiro, diminuiu o placar.

Embalada com o gol, a equipe paraisense tomou conta das ações do duelo e poderia ter diminuído ainda mais o placar, mas parou nas boas defesas do goleiro Di Fanti e na falta de pontaria. Em um dos poucos contra ataques que cedeu ao adversário, Batalha marcou o quarto dos visitantes.

Na reta final e com três gols de desvantagem, o técnico Cidão colocou em quadra a formação com goleiro-linha e ela deu certo. Em boa triangulação no ataque, Serginho apareceu na segunda trave para marcar o segundo da Intelli, restando um minuto e meio para o final do duelo, dando números finais ao jogo.